Firjan SENAI volta a superar resultados do Indicador de Desempenho da Avaliação Profissional (IDAP) | Cursos SENAI RIO

Blog

Importante ferramenta do Sistema de Avaliação da Educação Profissional e Tecnológica (SAEP) do SENAI, o Indicador de Desempenho da Avaliação Profissional (IDAP) acaba de divulgar os resultados de 2020 e, mais uma vez, a Firjan SENAI superou a meta do ano e as médias das edições anteriores. Diversas unidades conquistaram excelentes resultados no índice, que analisa competências e habilidades dos alunos dos cursos técnicos do SENAI em todo o Brasil. Com notas de 0 a 10, o IDAP considera os resultados das provas objetivas e práticas e a distribuição dos estudantes nas escalas de desempenho. Em 2020 foram avaliados 15 cursos técnicos da Firjan SENAI, 18 unidades, 1.077 alunos nas provas teóricas e 532 alunos nas provas práticas.

Com IDAP 7,0 nas provas objetivas e 8,8 nas práticas, a Firjan SENAI garantiu a marca de 7,9, superando a meta nacional para 2020: 7,6. “O resultado também é o maior dos últimos três anos (7,3 em 2018 e 7,6 em 2019), o que reforça a melhoria contínua da nossa Educação Profissional”, reitera Luciana Vieira Santos, coordenadora da Divisão Pedagógica de Educação Profissional da Firjan SENAI. 

Duas unidades garantiram pontuação máxima (nota 10) no IDAP: o Espaço da Moda da Firjan SENAI Nova Friburgo e a Firjan SENAI Três Rios. Destacaram-se com IDAP acima da média nacional Barra do Piraí (9,8), Nova Friburgo (9,3), Maracanã (8,8), Nova Iguaçu (8,5), Santa Cruz e IST Automação e Simulação (ambos com 8,4), Jacarepaguá (8,3), Duque de Caxias (8,8), Volta Redonda (8,2) e Tijuca (7,9). 

Além disso, as turmas de Processos Gráficos e Vestuário também tiveram IDAP máximo no desempenho geral por curso. Com pontuação acima da média nacional, destacaram-se ainda os cursos de Informática (9,1), Comunicação Visual (9,0), Eletrotécnica (8,6), Programação de Jogos Digitais (8,2), Eletroeletrônica (8,1), Mecatrônica (8,0), Edificações (7,9) e Mecânica (7,9).

Outro destaque é que comparando com as regiões Sul e Sudeste a Firjan SENAI conquistou o melhor resultado na avaliação prática e o segundo no IDAP geral.

Avaliação anual, coordenada pelo Departamento Nacional do SENAI, o SAEP tem por objetivo apontar caminhos para a melhoria contínua dos cursos técnicos do SENAI. A iniciativa possibilita o acesso a informações fundamentais para direcionar possíveis ajustes e estabelecer novas metas para aumentar a qualidade do ensino.

“A sequência de resultados positivos no IDAP é fruto da atuação conjunta da Gerência de Educação Profissional (GEP) com as nossas unidades e da participação ativa de coordenadores, instrutores, pedagogos, técnicos e colaboradores”, comemora Edson Melo, gerente de Educação Profissional da Firjan SENAI.